© o site da Associação Eco Bairros de Futuro resulta de um trabalho colaborativo

Associação 

Eco Bairros de Futuro

O que queremos?

Implementar EcoBairros em Lisboa, sob três princípios:  sustentabilidade ambiental, social e económica:

- Casas em construção de qualidade, segundo princípios solares passivos, com elevada eficiência energética e uso de energias renováveis, com espaços verdes envolventes (hortas/jardins);

- Um local de habitação humanizado, de carácter transgeracional, adaptado a pessoas e famílias com diferentes necessidades e rendimentos económicos e de gestão participada;

- Um local de vida, de trabalho e de lazer que integre os serviços necessários e com ligação à rede de transportes públicos, de modo a evitar o uso de viaturas próprias;

- Um modelo de consumo de alimentos cultivados nos espaços envolventes (hortas) ou oriundos de produções agrícolas dos arredores.

 

O reconhecimento no relatório Cidades de Amanhã. Desafios, visões e perspectivas (União Europeia, 2011) de que o atual modelo de desenvolvimento urbano se encontra ameaçado e da necessidade de o transformar, nomeadamente através de melhor habitação e de uma abordagem holística das questões ambientais e energéticas;

Os objectivos relativos à obtenção de habitação condigna e ao desenvolvimento urbano sustentável do ponto de vista social e ambiental, nomeadamente no que se refere ao acesso a energias renováveis e à gestão racional da água potável e do saneamento, estabelecidos na Agenda 2030 e na Nova Agenda Urbana para o século XXI da ONU.

04_06_2018 | FR